Os procedimentos estão me engessando

24/09/2012

Acusar procedimentos e sistemas por maus resultados, atribuindo a eles o engessamento e a lentidão, é uma desculpa manjada e esfarrapada que maus gerentes utilizam para justificar, perante seus chefes, falhas grosseiras em seus processos. Passividade, desconhecimento técnico e preguiça são maus atributos que levam gerentes esconderem-se atrás da genérica afirmação de engessamento. Não acredite nesta bobagem e exija mais atitude ou troque estes péssimos profissionais.

Esta é a desculpa de profissionais pouco adeptos de método e de organização. Quando são flagrados em erros grosseiros, culpam os procedimentos que os “engessam” ou acusam os sistemas de TI. Não vendem, não conseguem comprar nem produzir porque, segundo eles, os procedimentos os engessam.

É inaceitável esta desculpa. Primeiro ponto: se algum procedimento está realmente atrapalhando um gerente, ele deveria convocar uma reunião, expor seus problemas e, em equipe, junto com o pessoal de TI ou da qualidade, elaborar e executar um plano de ação para resolver. Ficar escondido, reclamando pelos corredores e levantar a bandeira vermelha apenas quando algum problema aparece na sala do presidente, é, no mínimo, uma atitude passiva e indigna de um gerente. Segundo ponto: na maioria das situações, incriminar procedimentos ou sistemas é uma desculpa esfarrapada que alguns gerentes utilizam para esconder suas próprias deficiências. Procedimentos mal escritos, processos mal concebidos ou sistemas rígidos demais realmente perturbam a rotina de quem precisa agilidade, mas não se deve esquecer que quem é o responsável por todos estes instrumentos é (ou deveria ser) o próprio gerente. Muitas vezes, por preguiça ou desconhecimento, eles se omitem no momento em que procedimentos e sistemas estão sendo construídos e depois herdam as mazelas que um mau projeto deixa. Entretanto, o erro é deles próprios e não faz sentido, nem ético nem técnico, “terceirizar” a responsabilidade pelos maus resultados.

Se você é gerente e tem um mínimo de respeito profissional para consigo próprio e para com seus colegas, jamais use esta desculpa. Tenha atitude preventiva, aja no momento certo e imponha os fatos. Fatos são teimosos e insistentes e guardam uma característica irrefutável, pois escancaram a realidade. A omissão talvez seja o pior pecado dos gerentes. Acusar os procedimentos ou as áreas de TI é a covardia resultante da preguiça, da ignorância e da passividade.